Produtividade em Home Office

O trabalho de casa (ou Home Office) explodiu durante a pandemia do Coronavirus.


Apesar de todos os benefícios que esta modalidade de trabalho proporciona, muitos profissionais não estavam prontos para usufruir de todas essas benesses.

Tiveram que se adaptar de uma hora para outra a uma nova forma de produzir, de se comunicar e de interagir.

O importante, é que estes profissionais se capacitem o mais rapidamente possível para trabalhar de forma remota, pois este será um diferencial importante daqui por diante, já que segundo uma pesquisa da Microsoft realizada neste ano, 75% dos negócios acreditam que o Home Office é eficiente. Antes da pandemia, eram apenas 25%.

Já o IBGE, em pesquisa feita pelo instituto em fevereiro de 2021, aponta que quem está em Home Office possui salário superior aos trabalhadores que não estão, ao passo que 76% destes profissionais possuem curso superior completo. Estes dados reforçam a importância da qualificação para estar apto a se candidatar a um trabalho remoto.

Além da qualificação formal, outros comportamentos são esperados, tais como:

  • Adaptabilidade: Estar pronto para entender e absorver mudanças e novas ferramentas;
  • Flexibilidade:  Estar pronto para o trabalho híbrido (parte presencial, parte remoto) para atender plenamente a necessidade das empresas;
  • Ética: É fácil ser correto e produtivo quando alguém está olhando, mas quem é ético mantém a boa conduta mesmo quando ninguém está ao redor;
  • Aprendizado constante: O mundo está mudando muito rápido, com novos desafios e novas habilidades sendo requeridas. Quem quer se manter relevante, precisa entender isto.
  • Alfabetização tecnológica: Não adianta. Trabalhar a distância requer uso de tecnologia, sejam computadores e notebooks, celulares, programas, softwares, aplicativos e etc. Logo, estar por dentro de boas condutas de segurança da informação, VPN's e postura adequada e boa comunicação em reuniões remotas é muito importante.


5 dicas para se dar bem no Home Office:

1 - Tente trabalhar em ambientes diferentes da sua casa: isto ajuda a amenizar a sensação de monotonia;

2 - Busque fazer reuniões de 50 minutos ao invés de 1 hora: Use estes intervalos de 10 minutos entre uma agenda e outra para distrair, tomar um café ou ir ao banheiro.

3 - Há reuniões que você pode participar caminhando: Use o potencial do celular;

4 - Use a técnica de Pomodoro para atividades longas: Trabalho focado por 25 minutos e uma pausa de 5 minutos de descanso em seguida ajuda a evitar cansaço e estresse;

5 - Seja Organizado: Use a agenda do celular ao seu favor, utilize aplicativos de tarefas ou mesmo agenda de papel. O importante é não se perder.

E Lembre-se: Como disse Joseph Teperman, "O trabalho não é mais um lugar para onde você vai, mas algo que você carrega com você."

Portanto, faça com que isso aconteça da melhor maneira possível.

E aí, o que achou?

Deixe seu comentário e compartilhe com seus amigos.



Postar um comentário

0 Comentários